terça-feira, 10 de julho de 2012

Minha nova tatuagem

          A compreensão está tatuada em meu coração a partir do dia quando entendi estar apaixonado por ti, um homem para amar. Desde então, meu despertar traz consigo a tua ida, pois ao levantar deixo os sonhos nos quais sempre estás presente. Meu deitar eleva minha alma e a leva para perto da tua. Assim, compartilhamos o sentimento mais puro e arrebatador que já vivemos.
          Como uma dança, pela qual somos levados pelo seu ritmo inquietante, meus pensamentos agnósticos creem no brilho dos teus olhos a me encararem. Sinto-me em um castelo, onde nele sou o rei... tu me fazes sentir assim. Teu corpo é o palácio. Tu és minha morada. Dois reis, e a nossa lei possui apenas um parágrafo.

§ 1º: Amar.

[Ao magrinho, em uma noite sem seus braços]

2 comentários:

  1. Queria poder sentir isso tudo de novo!

    ResponderExcluir
  2. Na verdade, nem sei mais se será possível sentir isso por tanto tempo mais... se os sentimentos dependessem apenas de nós para existirem, seria muito fácil, mas não é bem assim. Por vezes, o outro se precipita ou se engana ao pensar que o que sentimos um pelo outro tem a mesma intensidade ou pelo menos parecida. Depois vem a frustração de ter se doado tanto...
    Eu não penso assim. Só acho q se me doei, é pq achei que valeria a pena enquanto durasse... Vale(u(?))

    ResponderExcluir